facebooktwitter2FlickrYouTube

Português (Brasil)English (United Kingdom)Español(Spanish Formal International)
// Eventos
Calendário de Eventos Imprimir Email help
Mês anterior Dia anterior Próximo Dia Próximo Mês
Ver por Ano Ver por Mês Ver por Semana Veja Hoje Buscar Ir para um Mês
01 Abril 2012
  • Por um Fio
    por um_fio_site2Mimulus Cia de Dança (MG)
    Data: 1º de abril, 20h
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

    O espetáculo transpõe os bordados, escritos e amontoados de Arthur Bispo do Rosário para o emaranhado de braços e corpos que tecem a coreografia. Fios elétricos, filamentos das lâmpadas incandescentes que se confundem com as linhas coreográficas e com a sucata do trabalho dos bailarinos, que lhes servem de matéria-prima para a composição da obra. O cenário e o desenho de luz partem do emaranhado que tece a memória das coisas, dos inventários do mundo e de suas coleções, das repetições que reverberam o anonimato. Nele se fazem presentes a luz e a sombra, a loucura e a memória. Já o figurino inspira-se na forma como os internos do sanatório do Juliano Moreira se vestiam para os bailes do local e é confeccionado em sua maior parte com o aproveitamento de retalhos e tecidos descartados. A exemplo das obras do Bispo, as peças são bordadas com textos, palavras e inventários.

    A companhia

    Fotos

  • Atelier Coletivo VISIO. - Intervenções
    visio siteConcepção e curadoria: Andrea May
    Local: muro e espaço expositivo
    do Teatro Vila Velha
    Horário de visitação: 6h às 22h (muro) e horário comercial (espaço expositivo)
    Ingresso: entrada franca

     

    Os artistas visuais que fazem parte do coletivo promoverão duas ações durante o VIVADANÇA. A primeira ação será uma pintura mural (outdoor), na rampa de acesso do Teatro Vila Velha. A intervenção promoverá unidade visual através da estampagem geral do muro com um elemento único (avatar) replicado, cuja inspiração partiu do projeto neocriaturas. Sobre eles, os artistas convidados farão livres interferências, numa composição que se estenderá ao longo de todo o percurso do público. A segunda ação do coletivo será uma mostra coletiva no espaço expositivo (indoor), que reunirá obras dos artistas que participarão da primeira ação, oportunizando assim, a extensão dos espaços e das possibilidades de troca entre os respectivos projetos.

    O coletivo

  • Viladança 18 x 4
    exposio siteFotos: João Millet Meirelles
    Local: Passeio Público (Campo Grande)
    Horário de visitação: 6h às 22h
    Ingresso: entrada franca 

    Dezoito fotos de João Millet Meirelles integram exposição que recupera a trajetória da Companhia Viladança, através de quatro espetáculos do seu repertório, criados e dirigidos por Cristina Castro. São eles: José ULISSES da Silva (criado em 2002), Da Ponta da Língua à Ponta do Pé (2004), Aroeira - Com Quantos Nós se Faz uma Árvore (2006) e Habitat - Lat 13º S Long 38º 31' 12'' O (2008). As imagens ultrapassam o mero registro, escapam ao caráter documental das obras, para constituírem como trabalhos autorais, com expressividade própria. A partir da tensão que existe no ato de registrar (tornar fixo, imóvel) o caráter efêmero, transitório e fluido do gesto, o artista faz um recorte poético das cenas, e mostra o seu olhar ao mesmo tempo íntimo e perspicaz.

    O artista

    Fotos

03 Abril 2012
  • Punto Ciego
    punto ciego_siteCia de Dança Losdedae (Espanha)
    Data: 03 e 04 de abril, 20h
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

    O espetáculo Punto Ciego trata da incapacidade de ver, sentir e compreender as coisas, mas, também, da possibilidade de perceber como sendo reais coisas que não existem. A montagem aborda a cegueira causada não somente pela limitação física, mas também pela falta de sensibilidade de pessoas que tem "visão perfeita". Ponto cego é uma região da retina insensível à luz, ou seja, onde não se formam imagens. O espetáculo retrata a viagem entre o real e o imaginário de três personagens que se encontram, justamente, neste ponto de invisibilidade. Com base na música da violoncelista Hildur Guônadóttir e na criação do espaço sonoro de Ricardo Miluy, são construídos ambientes que buscam captar profundos segredos.

    A companhia

    Fotos

    marcas los_dedae 

05 Abril 2012
  • Eliminatória da 5ª Batalha Break – Evolução Hip Hop
    hip hop_1Data: 5 de abril, 13h às 21h
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca
    Jurados: B.girl Pekena (Paraíba), B.boy Kleber (Pará), B.boy Kleson (DF)
    Discotecagem: DJ Bandido
    Coordenação: b.boy Ananias e b.girl Tina (Independente de Rua)
    Classificação etária: livre

    A Mostra Hip Hop em Movimento foi criada em 2009, com o objetivo de fortalecer a dança de rua como linguagem artística na programação do VIVADANÇA Festival Internacional, aglutinando no evento  DJs, grafiteiros, rappers e dançarinos de break, além de profissionais da dança de outros esttilos interessados no hip hop como entretenimento e manifestação sociocultural.

    A mostra engloba uma série de atividades, como oficinas de break, grafite e DJ, feira de artigos de hip hop, jam session, mesas-redondas, exposições e shows de rap. Mas o ponto alto da mostra é a Batalha de Break, que reúne centenas de b.boys, b.girls e torcedores, numa disputa animada na qual o maior vencedor é o breakdancing. 

    Nestes três anos de mostra, muitos artistas e profissionais do movimento hip hop no Brasil participaram das atividades, como o precursor do break no país, Nelson Triunfo (SP), o rapper Big Richard (SP), DJ Bandido (BA), rapper Dexter (SP), os b.boys Banks (SP) e Crazy Luffy (CE), a b.Girl Weedja (PE), e o parceiro sempre presente DJ Branco (BA), que transmite ao vivo o seu programa de rádio Evolução Hip Hop diretamente do festival.

     

    marcas hip_hop 

07 Abril 2012
  • Mostra Hip Hop em Movimento
    hip hop_2Mesa-redonda HIP HOP: Comunicação e Desenvolvimento e lançamento da Revista Rap Nacional
    Data: 7 de abril,  14h às 16h30
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca
    Palestrantes da mesa-redonda: Mandrake (SC), diretor da Revista Rap Nacional, Mia Lopes (BA),coordenadora de projetos da Flores de Dan, Hot Black (SE), diretor da Rádio Aperipe FM, e Rapadura (CE), rapper e ativista social.
    Mediação: DJ Branco – Coordenador da Mostra Hip Hop em Movimento
    Classificação etária: 12
    • Tranmissão do programa Evolução Hip Hop (Rádio Educadora FM - 107,5)
    Data: 7 de abril, 17h às 18h
    Local: Teatro Vila Velha
    Atrações: Fúria Consciente, Afro Jhow e RBF
    Ingresso: entrada franca
    Classificação etária: livre
    • Jam Session de hip hop
    Data: 7 de abril, 18h às 19h
    Local: Teatro Vila Velha
    Atrações: Tríplice HipHop (BA), Dudu do Morro Agudo (RJ), MensageNegra (SE) e MC Coscarque (BA)
    Ingresso: entrada franca
    Classificação etária: Livre
    • Show com o rapper Rapadura
    Data: 7 de abril, 19h
    Local: Palco principal do Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca
    Classificação etária: Livre
    • Feira Hip Hop
    Data: 7 e 8 de abril, 13h às 21h
    Local: Cabaré dos Novos do Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca
    Classificação etária: livre

    A Mostra Hip Hop em Movimento foi criada em 2009, com o objetivo de fortalecer a dança de rua como linguagem artística na programação do VIVADANÇA Festival Internacional, aglutinando no evento  DJs, grafiteiros, rappers e dançarinos de break, além de profissionais da dança de outros esttilos interessados no hip hop como entretenimento e manifestação sociocultural.

    A mostra engloba uma série de atividades, como oficinas de break, grafite e DJ, feira de artigos de hip hop, jam session, mesas-redondas, exposições e shows de rap. Mas o ponto alto da mostra é a Batalha de Break, que reúne centenas de b.boys, b.girls e torcedores, numa disputa animada na qual o maior vencedor é o breakdancing. 

    Nestes três anos de mostra, muitos artistas e profissionais do movimento hip hop no Brasil participaram das atividades, como o precursor do break no país, Nelson Triunfo (SP), o rapper Big Richard (SP), DJ Bandido (BA), rapper Dexter (SP), os b.boys Banks (SP) e Crazy Luffy (CE), a b.Girl Weedja (PE), e o parceiro sempre presente DJ Branco (BA), que transmite ao vivo o seu programa de rádio Evolução Hip Hop diretamente do festival.

    marcas hip_hop 

  • Mesa-redonda HIP HOP: Comunicação e Desenvolvimento
    Data: 7 de abril,  14h às 16h30
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca

    Palestrantes da mesa-redonda: Mandrake (SC), diretor da Revista Rap Nacional, Mia Lopes (BA),coordenadora de projetos da Flores de Dan, Hot Black (SE), diretor da Rádio Aperipe FM, e Rapadura (CE), rapper e ativista social.

    Mediação: DJ Branco – Coordenador da Mostra Hip Hop em Movimento

    Classificação etária: 12

     marcas hip_hop 

08 Abril 2012
  • Mostra Hip Hop em Movimento
    hip hop_3Feira Hip Hop
    Data: 7 e 8 de abril, 13h às 21h
    Local: Cabaré dos Novos do Teatro Vila Velha
    Ingresso: entrada franca
    Classificação etária: Livre
    • Final da 5ª Batalha de Break – Evolução Hip Hop
    (transmissão ao vivo pelo porta TVE Bahia/IRDEB)
    Data: 8 de abril, 14h às 21h
    Local:  Teatro Vila Velha
    Entrada: Franca
    Jurados: b.girl Pekena (Paraíba), b.boy Kleber (Pará), b.boy Kleson (DF)
    Discotecagem: DJ Bandido e DJ Jarrão
    Coordenação: b.boy Ananias e b.girl Tina (Independente de Rua)
    Classificação etária: Livre
    Premiação: 1º lugar R$ 2.000,00 / 2º lugar R$ 1.500,00 / 3º lugar R$ 1.000,00

    A Mostra Hip Hop em Movimento foi criada em 2009, com o objetivo de fortalecer a dança de rua como linguagem artística na programação do VIVADANÇA Festival Internacional, aglutinando no evento  DJs, grafiteiros, rappers e dançarinos de break, além de profissionais da dança de outros esttilos interessados no hip hop como entretenimento e manifestação sociocultural.

    A mostra engloba uma série de atividades, como oficinas de break, grafite e DJ, feira de artigos de hip hop, jam session, mesas-redondas, exposições e shows de rap. Mas o ponto alto da mostra é a Batalha de Break, que reúne centenas de b.boys, b.girls e torcedores, numa disputa animada na qual o maior vencedor é o breakdancing. 

    Nestes três anos de mostra, muitos artistas e profissionais do movimento hip hop no Brasil participaram das atividades, como o precursor do break no país, Nelson Triunfo (SP), o rapper Big Richard (SP), DJ Bandido (BA), rapper Dexter (SP), os b.boys Banks (SP) e Crazy Luffy (CE), a b.Girl Weedja (PE), e o parceiro sempre presente DJ Branco (BA), que transmite ao vivo o seu programa de rádio Evolução Hip Hop diretamente do festival.

    marcas hip_hop 

10 Abril 2012
  • Primeira Noite Mostra Casa Aberta
    casa aberta01_siteVários artistas
    Data: 10 de abril, 19h30 (foyer) e 20h (palco principal)
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

    A Mostra Casa Aberta é um espaço para a diversidade coreográfica, reunindo artistas e grupos de diversas linguagens da dança em três noites de muito movimento, troca e vibração!

    Em sua 5ª edição, foram inscritos 94 trabalhos coreográficos que atendiam aos pré-requisitos de participação (tempo máximo de 10 minutos de duração, cenário e necessidades técnicas adaptáveis). Destes, foram selecionados 50 propostas que irão compor as noites de apresentação abaixo indicadas:

    PRIMEIRA NOITE: 10 de abril  (terça-feira)

    1. Marémoiras – Wagner Lacerda. Foyer do Teatro Vila Velha - Tempo: 10:00

    2. Rua 47 – Academia Castelo da Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:55

    3. Moderno Zouk – JK & JF Danças de Salão. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:00

    4. Joelhos azuis – Escola Contemporânea de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:00

    5. Pé no chão?! – Inah Irenan. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 06:30

    6. Arlequins – ETUDES – Escola de Ballet. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 02:40

    7. Me arrasta, me atrai – Daniel da Silva Costa. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 02:47

    8. Reencontro – Ramon Moura. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:35

    9. 1 min – Ágata Matos. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:30

    10. El extraño caso del conejo que no era Blanco – Colectivo Sin Cabeza. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00

    11. Charleston Fusion – Trupe Mandhala. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:00

    12. O movimento e a palavra – Åsa Malmström. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00

    13. Deixa Dilson vamos Sambar – CDRS. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:10

    14. Summoning Ghosts – Joline Andrade. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 06:30

    15. Sapiens – INSALTO Cia de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:30

    16. Encontros e Despedidas – Corpo de Baile Centro de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 04:00

    17. Epifania – Kátharsis Companhia de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 06:10

    18. O poder do feminino – Movimento Feminino. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00


    Fotos

11 Abril 2012
  • Segunda Noite Mostra Casa Aberta
    casa aberta02_siteVários artistas
    Data: 11 de abril, 19h30 (foyer) e 20h (palco principal)
    Local: Teatro Vila Velha
    Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00

    A Mostra Casa Aberta é um espaço para a diversidade coreográfica, reunindo artistas e grupos de diversas linguagens da dança em três noites de muito movimento, troca e vibração!

    Em sua 5ª edição, foram inscritos 94 trabalhos coreográficos que atendiam aos pré-requisitos de participação (tempo máximo de 10 minutos de duração, cenário e necessidades técnicas adaptáveis). Destes, foram selecionados 50 propostas que irão compor as noites de apresentação abaixo indicadas:

    SEGUNDA NOITE: 11 de abril (quarta-feira)

    1. Meu catopê é quântico! – Movimento Catopê Quântico. Foyer do Teatro Vila Velha - Tempo: 10:00

    2. Squamata – EBATECA. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:40

    3. Uno Regalo – 3º Prazer Companhia de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:50

    4. Hey Jude – ETUDES – Escola de Ballet. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 07:00

    5. Dona Flor e seus dois maridos – Academia Castelo da Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 02:38

    6. Modern and Drums – Renata Silva. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:20

    7. Amores – Grupo Experimental de Jazz. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 03:47

    8. O beijo – Denys Silva Cia de Dança. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00

    9. Khalige – Cia de Dança Beth Soares – Ateliê Art Cult Escola de Dança, Música e Yoga. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:26

    10. Lembranças – Escola de Ballet e Arte / SESI. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 02:59

    11. O Boto – Cia de Dança Antônio Valter Leone. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00

    12. Cidade Elétrica – All Street Songs (A.S.S). Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:40

    13. Referências, Interferências! – Ágata Matos. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 08:00

    14. A cegueira da alma – Ballet Itana Leão. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 05:38

    15. Axé Music – Grupo de Dança Zuart. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 10:00

    16. Magalenha – Grupo Avançado de Jazz e Street Dance – Ballet Acadêmico da Bahia. Palco Principal Teatro Vila Velha – Tempo: 04:01


    Fotos




// Eventos por data

Abril 2012
2a 3a 4a 5a 6a S D
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6
Maio 2012

2a

3a

4a

5a

6a

S

D

30

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31